Nilto Maciel e Literatura – niltomaciel@uol.com.br


JORNAL VOLANTE NÚMERO 6

O editor de Volante (Veículo original lítero alternativo nascido totalmente emancipado) é o Poeta de Meia-Tigela. Neste número (novembro-dezembro de 2009) lê-se/vê-se um quadrinho "Divagando com I. B. Singer", um "quiztionário" com Diogo Fontenelle, poema ("O monstrengo que sou") do Poeta de Meia-Tigela, conto ("Amanda") de Guether Gadelha Wirtzbiki, poema ("Metade") de Caroline Mendes, historinhas ("Sabotagem - hestórias e considerações") de Luciano Bonfim, conto ("Alegoria da praia") de Márcio Araújo, "Palindromania" de Frederico Régis, poema ("A mata da brasa") de Mardônio França, "Pequena consideração sobre seus olhos" de Ângela Calou, homenagem de Carlos Roberto Vazconcelos a Raimundo Ramos Filho, e outras preciosidades, de Plínio a Sábato. No blog do Poeta há muito mais, é claro: http://opoetademeiatigela.blogspot.com

/////



Escrito por Nilto Maciel às 15h49
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




RESTRIÇÕES

Pedro Du Bois

 

Restrito: peça invadida

em móveis: cadeiras

                   dispostas

                   em volta

                   da mesa

                   posta: a disposição

da fome, o engulho

da comida requentada

no esbulho; cortinas

encerradas na artificialidade

das luzes decompõem

a imagem; o armário

alto de copos e pratos;

 

              o vidro quebrado no canto

              inferior direito: a restrição.

 

(Pedro Du Bois, inédito)

/////



Escrito por Nilto Maciel às 15h23
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Livros de Catagauses

Num só pacote, um pacotão, recebi há poucos dias seis belos livros. Todos de Cataguases, Minas Gerais. Editados pelo Instituto Francisco de Souza Paixão e pelo Instituto Cidade de Cataguases, com apoio do Ministério da Cultura. Como tudo está mudando, para melhor, neste país. Os livros são:

- Sul, romance de Guilhermino Cesar. A primeira edição é de 1939. O romancista nasceu em Eugenópolis, MG, em 1908 e participou da criação da famosa Revista Verde (1927/1929).

- O Movimento Modernista Verde, de Cataguases - MG: 1927-1929, de Rivânia Maria Trotta Sant'Ana. "Reunião de textos literários, teóricos e críticos produzidos no final da década de 20 do século passado, por um grupo de escritores que, no ano de 1927, em Cataguases, MG, criou um movimento denominado Verde, uma revista literária e uma editora".

- Uma vanguarda à moda de Cataguases, de Ana Lúcia Guimarães Richa. Estudo fundamental para a compreensão do Movimento Verde.

- Francisco Inácio Peixoto em prosa e verso, apresentação, organização e notas de Luiz Ruffato. A obra completa (contos líricos e densos, poesia circunstancial e erótica, observações de  viagem à Cortina de Ferro) de um dos fundadores do Movimento Verde.

- Aspectos surrealistas em O Agressor, de Rosário Fusco, de Anice Mamede. Estudo da obra de Fusco, lançada em 1943 e tida como uma das primeiras manifestações do surrealismo no Brasil.

- Incursões na Biblioteca de Francisco Inácio Peixoto, de Alcione Lidia Abreu Olivieri. Estudo das dedicatórias de grandes escritores a Inácio Peixoto.

Livros assim são uma riqueza.

/////



Escrito por Nilto Maciel às 15h00
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]


[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]


 
Histórico
Outros sites
  UOL - O melhor conteúdo
  BOL - E-mail grátis
  Bestiario
  Jornal de Poesia
  Olhar panorâmico
  Nirton Venâncio
  Conexão Maringá
  Ao fim da noite
Votação
  Dê uma nota para meu blog



O que é isto?